Importância de Saber Primeiros Socorros

Nós bem sabemos que todos nós podemos passar por alguma situação de risco e por conta disto sofrer algum tipo de acidente com lesão em qualquer local: em casa, no trabalho ou até mesmo no deslocamento (trânsito). Por isso, algo que deveria ser ensinado desde os tempos de crianças é primeiros socorros.

O que é primeiros socorros?

Primeiros Socorros são as primeiras ações realizadas no local dos fatos. É o primeiro atendimento de forma improvisada até a chegada de um profissional capacitado que tomará conta da situação.

Estes procedimentos tem como objetivo manter os sinais vitais da pessoa e tentar ao máximo diminuir as chances da piora da pessoa naquele momento. Estas ações podem ser feitas por somente uma pessoa ou com ajuda de outras também, mas lembrando sempre que a ajuda tem que ser dentro da capacidade de cada um.

O que fazer neste primeiro contato?

Ao se deparar com uma vítima de alguma situação, devemos fazer 3 procedimentos básicos:

  1. Fazer uma rápida avaliação do quadro da vítima;
  2. Verificar se há alguma situação que ameace a vida do socorrista e/ou que possam agravar o quadro da vítima;
  3. Entrar em contato com o resgate profissional.

O atendimento deve ser realizado quando a vítima não tenha condições de cuidar de si mesma.

É sempre ideal é avaliar rapidamente o local do acidente e onde a vitima está, para descartar qualquer possibilidade de outros acidentes. Coisas que você deve se atentar: fios elétricos que estejam soltos e desencapados no chão, vazamento de gás ou de gasolina, rua/estrada com intenso tráfego de veículos que possa se tornar uma situação perigosa de atropelamentos, presença de máquinas trabalhando, risco de desmoronamento do local, etc.

Após fazer esta verificação é de extrema importância entrar em contato com o socorro profissional e dar a assistência necessária para a vítima sempre dentro de suas possibilidades para não agravar a situação.

Como não piorar a situação?

Muitas pessoas quando veem uma vítima querem ajudar, mas por não terem os conhecimentos necessários entram em pânico, e com isso, podem fazer algo errado e agravar a situação. O ideal é manter a calma, avaliar o cenário e chamar rapidamente o resgate. Após feito estes 3 passos como informado acima, você pode e deve aplicar qualquer procedimento apenas se tiver conhecimento e certeza do que está fazendo. Se tiver dúvidas ou falta de confiança, aguarde o auxílio médico e se possível, proteja a vítima de possíveis acidentes que possam acontecer.

Quais os problemas mais comuns?

Quando falamos de primeiros socorros as situações mais comuns de acidentes são:

  • Desmaio
  • Convulsão
  • Choque elétrico
  • Infarto e parada cardiorrespiratória
  • Fraturas, luxações, contusões e entorses
  • Envenenamento
  • Picada de cobra ou outros animais
  • Asfixia
  • Queimaduras
  • Sangramentos e Hemorragias

Importância do conhecimento

Todo tipo de conhecimento sobre como ajudar o próximo é de vital importância, principalmente quando falamos de atendimentos de emergência. Conhecimentos simples de socorro muitas vezes diminuem o sofrimento da vítima no local, evitam complicações futuras e podem ainda salvar vidas.

Como já falado, este tipo de conhecimento deveria ser tratado desde criança para que, na vida adulta, todos pudessem ser socorristas em potencial.

De toda forma, muitas empresas têm realizado treinamentos e palestra de primeiros socorros como forma de levar conhecimento aos trabalhadores no ambiente de trabalho. Falando até como experiência própria quando pude assistir uma apresentação, este é o melhor momento para tirar dúvidas, quebrar tabus e mitos que cercam este assunto.

Vale concluir com a informação: Se você não sabe o que fazer, pelo menos saiba o que não deve ser feito para não agravar mais ainda o quadro da vítima. As vezes, um simples telefone para o resgate profissional já está salvando a vida desta pessoa.